segunda-feira, 17 de março de 2008

Mil perdões *

(Chico Buarque/1983)

*Para o filme "Perdoa-me por me traíres", de Braz Chediak



Te perdôo
Por fazeres mil perguntas
Que em vidas que andam juntas
Ninguém faz

Te perdôo
Por pedires perdão
Por me amares demais

Te perdôo
Te perdôo por ligares
Pra todos os lugares
De onde eu vim

Te perdôo
Por ergueres a mão
Por bateres em mim

Te perdôo
Quando anseio pelo instante de sair
E rodar exuberante
E me perder de ti

Te perdôo
Por quereres me ver
Aprendendo a mentir (te mentir, te mentir)

Te perdôo
Por contares minhas horas
Nas minhas demoras por aí

Te perdôo
Te perdôo porque choras
Quando eu choro de rir
Te perdôo
Por te trair

4 comentários:

Eu. disse...

aê moçoi tou aqui no blog agora
é camiula:)
tudo bem??
vou te colocar nos meus favoritos ta?
beijinhos:***

Celular disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the Celular, I hope you enjoy. The address is http://telefone-celular-brasil.blogspot.com. A hug.

ranniery disse...

talvez um dos textos mais impactant que li na minha adolescência!
adoro nelson! e com chico buarque!

Anônimo disse...

bom comeco